26 setembro 2007

COOPERAÇÃO





"Sua idéia de cooperação é trabalhar em conjunto em direção a um resultado particular. Você tem um ideal - construir uma escola perfeita, ou o que quer que seja - em direção ao qual vocês estão trabalhando, portanto você diz que a cooperação é necessária. Agora, eu não chamo isso de cooperação, em absoluto.
Isto é uma forma de cobiça, uma forma de medo, de compulsão. Tampouco é cooperação quando você e eu trabalhamos juntos meramente porque estamos de acordo com relação a alguma coisa. Em qualquer acordo desse tipo, o importante é realizar a coisa em particular, e não trabalhar em conjunto. Assim, não é cooperação trabalharmos juntos através de alguma forma de Encontro internacional de comitês indução, ou por mera concordância, porque por trás de tais esforços há a implicação de se obter ou se evitar alguma coisa. Para mim, cooperação é algo completamente diferente. Cooperação é a diversão de estar e fazer algo em conjunto - não necessariamente algo em particular. A ooperação verdadeira surge, não através da mera concordância em tocar algum projeto juntos, mas com a alegria, o sentimento de união, se se pode usar essa palavra; porque nesse
sentimento não há a obstinação da opinião pessoal. Quando você conhecer essa
cooperação, saberá também quando não cooperar, o que é igualmente importante."



J. Krishnamurti
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...