15 junho 2011

Pancha Mahabhutas - cinco elementos

Retirado do Blog: http://ayurveda-gdm.blogspot.com

De entre todas as afirmações da Ayurveda uma delas é que tudo no universo é composto de diferentes combinações dos cinco elementos, que são designadas por Pancha mahabhutas, e com eles se forma o universo, o nosso corpo, assim como a nossa mente.
Esses cinco elementos são:
Espaço –Akasha
Air - Vayu
Fogo – Tejas ou Agni
Terra - Prithvi
Água- Jala ou Apa

Como a química e a física usam termos específico e técnicos para classificar a matéria, a Ayurveda utiliza as características dos cinco elementos. Se um elemento é classificado como "fogo", isso não significa que ele é literalmente um incêndio, isso significa que apresenta as características do fogo, como, calor, combustão por exemplo, da mesma forma, a utilização do elemento "água" ou "terra" significa que está húmida, fria e pegajosa ou pesada, sólida e estável.
O ser humano utiliza os sentidos da audição, paladar, tacto, visão e olfacto para identificar os elementos que nos rodeiam e as suas qualidades. O que define os pancha mahabhutas pode parecer simplista, mas na verdade é um sofisticado método que nos ajuda a classificar não só todos os elementos que se encontram no planeta, mas também nos ciclos naturais, como nos dias, nas estações e na própria vida. Isso ocorre porque os elementos dominam num determinados momentos, dependendo das condições vividas e observadas.

Por exemplo, o ciclo de vida humana é dividida em infância, onde ocorre o crescimento físico (água e terra), a idade adulta, onde a actividade caracterizada pela mudança onde ocorre (fogo), e idade em que a mobilidade fica prejudicada e o organismo começa a enfraquecer (espaço e ar) . O ano é dividido em quatro estações - Inverno quando está frio e chuvoso (água, terra); Primavera, quando ocorre um novo crescimento e isso se torna mais quente (água, fogo); Verão quando está quente e seco (fogo, ar) e Outono, quando está vento e frio (ar e espaço).
Entendida e bem aplicado este sistema de classificação torna-se um método poderoso para verificar como o homem interage com o meio ambiente.
Os elementos (mahabhutas) possuem determinadas qualidades, atributos que produzem impactos sobre o corpo e a mente. 
Algumas características dos elementos:
Espaço - Akasha
É o lugar onde vivemos e é o lugar onde tudo acontece. Nossas células do corpo também contêm espaço. É o mais subtil de todos os elementos.

Qualidades - Suave, leve, subtil e abundante.
Acção - prevê, relaxa e abre
Facilita - som e a não resistênciaSubstância - Tudo o que é abundante, luz e etéreo
Exemplo - de leve alimentos oco - pipoca, bolachas
Ingestão - aumenta a maciez e a leveza no corpo

Ar - Vayu
É transparente e sublime, e faz com que exista actividade dentro do espaço. Segundo a Ayurveda é o principal dos elementos. As funções biológicas que provêm das sensações são desencadeadas pelo ar, não só essas mas os movimentos de pensamento, o desejo, tal como todas as funções da mente, também são consideradas função do ar.
Qualidades - leve, móvel, fresco, seco e poroso e subtil
Acção - o movimento, a evaporação, a secura
Facilita - toque e vibração.
Substância - qualquer coisa seco e arejado, ou que produza o gás
Exemplo - torradas, biscoitos, repolho, feijão
Ingestão – diminui a temperatura corporal e a circulação, aumenta a secura

Agni Fogo ou Tejas
Os movimentos causados pelo atrito produzem calor, que designamos fogo, que é o terceiro elemento. As funções do corpo associadas a este elemento são a digestão e absorção.
Qualidades - quente, afiada, seco, subtil, leve e rugosa
Acção - a radiação de calor e luz
Facilita - cor, forma e temperatura
Substância - qualquer coisa combustíveis e picantes
Exemplo - pimenta, pimenta, cravinho, gengibre, cominho
Ingestão - aumenta a digestão, o metabolismo (fogo e calor), brilho e cor da pele
Água - Jala ou Apa
A água representa o estado líquido e é necessário para a sobrevivência de todos os seres vivos. A maior parte do nosso corpo é composto de água.

Qualidades - oleosa (untuoso), húmido, fresco, macio e pegajoso
Atributo - a coesão, lubrificação
Facilita - fluidez e sabor (através de saliva)
Substância - líquido ou aquoso
Exemplo - bebidas, sopas, melão, pepino
Ingestão - aumenta a suavidade, frescor, suavidade e o fluxo de fluidos

Terra - Prithvi
Representa o estado sólido. As estruturas rígidas e estáveis do corpo humano são supostamente devidas ao elemento terra. A permanência e estabilidade são os termos que podem ser associados a este elemento.
Qualidades - pesado, áspero, sólido, estável e lento
Atributo - a resistência, densidade
Facilita - o odor da fragrância e da forma
Quanto ao mérito - sólido e pesado
Exemplo - fritos, queijos, bolos, banana
Ingestão - o aumento peso, estabilidade, obesidade e solidez do corpo
Usando as características descritas acima, cada objecto em torno de você pode ser considerado e classificado. Isto deve ser feito com o entendimento básico de que tudo é uma mistura de diferentes proporções dos elementos, alguns dos quais podem se manifestar sob diferentes condições.
Tendo em consideração que todos os elementos podem alterar o seu estado e a sua condição como por exemplo se considerar-mos o mesmo composto a água que quando no estado sólido e pesado (gelo, neve, granizo) é uma representação da Terra / prithvi, quando derrete devido à exposição de luz e calor - incêndio / agni, retorna para a água / jala, então com o aumento do fogo calor evapora, devido ao contacto com o ar / vayu e desaparece no espaço / akasha.


Em relação ao nosso corpo somos fisicamente compostos por estes mesmos elementos tanto quanto ao ciclo de vida como na nossa estrutura física. No nosso corpo, o espaço / Akasha está presente onde há uma cavidade tal como no nariz, boca, ouvidos, garganta, pulmões e estômago; ar / vayu no movimento dos pulmões, coração, estômago, intestino e articulações; fogo / agni em todas as actividades metabólicas, os olhos da inteligência e da temperatura corporal; água / jala em todas as plasma, sangue, muco, saliva e terra / Prithvi em qualquer estrutura sólida, como gordura, músculos, pele, unhas e cabelos.
Tudo o que o nosso planeta produz e o que o homem encontra na natureza (plantas, ervas, alimentos) são geralmente a harmoniosa do sistema humano. Eles podem ser facilmente absorvido e não causam reacções adversas ou efeitos colaterais (se consumido em quantidades adequadas), porque eles contêm a mesma natureza e composição. É por isso que os alimentos e ervas são capazes de curar o corpo humano. A vegetação pode reparar e reestruturar os seres humanos porque eles compartilham uma mesma base e os mesmos elementos.
Depois deste artigo e do artigo sobre os doshas podemos verificar que as pessoas apresentam uma constituição diferente e dai necessitarem de terapias diferentes e, mesmo de massagens diferentes.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...