08 março 2012

Sheng-yen


Muito conhecimento conduz à super-atividade;
É melhor acalmar a mente.
Quando mais você considera, maior é a perda;
É melhor unificar a mente.
O pensamento excessivo enfraquece a vontade;Quando mais você sabe, mais a sua mente fica confusa.Uma mente confusa faz surgir a irritação;O enfraquecido obstruirá o caminho. 
Não diga que não há mal nisso;
A dor resultante pode durar para sempre.
Não pense que nada há a temer;
As calamidades agitam-se como as bolhas em uma panela fervente.
 
A água gotejando incessantemente
Preencherá os quatro oceanos.
As manchas de poeira não varridas
Se tornarão as cinco montanhas
[Ching-shan, Pei-shan, Nan-shan, a montanha do rei Ashoka e T'ai-po-shan].
 
Proteja os galhos para salvar as raízes;
Apesar de ser uma questão pequena, não é trivial.
Feche os sete orifícios [os dois olhos, os dois ouvidos, as duas narinas e a boca],
Fecha os seis sentidos [a visão, a audição, o olfato, o paladar, o tato e a consciência].
 
Não preste atenção às formas,
Não ouça os sons.
Ouvindo os sons, você se torna surdo;
Observando as formas, você se torna cego.
A literatura e a arte
Nada mais são que mosquitos ocupados no ar;
A técnica e a habilidade,
Uma lamparina solitária ao sol.
 
Aqueles capazes e talentosos
São realmente companheiros estúpidos.
Descartando o puro e o simples,
Eles afogam muita beleza.
 
A consciência é um cavalo indomado,
A mente é um macaco teimoso.
Se a mente estiver superativa,
O corpo ficará doente e morrerá.
 
A conduta errônea termina na delusão;
Aqueles que seguem por este caminho tornam-se atolados na lama.
Considerar a habilidade como preciosa
É chamado "confusão".
 
Exagerar a indelicadeza e a habilidade arqueada
Não conduz à grande virtude.
De muita fama, mas com pouca contribuição,
Suas reputações desintegram-se rapidamente.
 
Meramente ler livros
Não é de valor duradouro.
Ser orgulhoso internamente
Traz a inimizade dos outros.
 
Usar a fala
Ou palavras escritas
Para ganhar o louvor dor outros
É algo muito repulsivo.
 
O que as pessoas comuns consideram como auspicioso
O sábio toma como mal.
O deleite obtido é passageiro,
Mas a tristeza é duradoura.
 
Esteja consciente das sombras e rastros;
Quando mais você os deixar, melhor.
Sentando-se ereto à sombra de uma árvore,
Nem rastros nem sombras permanecem.
 
As preocupações do nascimento e o estresse da velhice
São produtos dos seus próprios pensamentos.
Se o pensamento da mente for terminado,
O nascimento e a morte serão cortados para sempre.
 
Não morto, não nascido,
Sem forma ou nome,
O caminho é vazio e tranqüilo.
Os fenômenos miríades são iguais.
 
O que é de valor? O que é barato?
Onde está a vergonha ou a glória?
O que é excelente ou inferior?
Como pode haver pesado e leve?
 
O céu claro coloca pureza na vergonha.
Nenhum brilho compara-se ao sol brilhante.
Estável como o monte T'ai,
Firme como um muro dourado.
 
Respeitosamente apresento este poema a todos os virtuosos,
De modo que este caminho permaneça para sempre.

(Adaptado de Sheng-yen, The poetry of enlightenment: Poems by ancient
Ch'an Masters. Elmhurst: Dharma Drum Publications, 1987. Pág. 9-12.)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...